Será que o medicamento Plasil pode prejudicar meu bebê?

Olá!

Tenho um filhinho de quatro meses e sempre achei que minha produção de leite não é boa, ou seja, produzo pouco leite. O pediatra do meu filho passou para eu tomar Plasil três vezes ao dia durante 7 dias e minha produção de leite aumentou. Quando parei de tomar minha produção de leite caiu e agora voltei a tomar o remédio novamente e meu peito tem enchido bastante. Gostaria de saber se devo continuar com o remédio e se é saudável para o meu filho, há algum problema se continuar tomando o remédio?

C.

Querida C.,

Fique tranquila, tudo isso que você está passando é normal — acontece com a maioria das mulheres e costuma passar quando adquirimos autoconfiança!

Nessa idade em que o seu filhinho está é totalmente normal que o peito comece a “encher” menos. Isso não significa que você tenha menos leite não! Ao contrário, significa que o seu corpo está se adaptando à amamentação. Provavelmente, o que está acontecendo é que a produção está começando a se adaptar à demanda do bebê. A partir dos primeiros meses, o peito enche cada vez menos e produz leite principalmente durante a mamada. E é ótimo que seja assim! É que nem as lágrimas quando choramos… Elas não ficam “armazenadas” numa bolsa embaixo dos olhos, né? Elas surgem quando precisamos. O peito é assim: é mágico, vai se adaptando ao bebê dia-a-dia. É super normal achar que peito cheio é sinal de muito leite, mas é uma dessas crenças que não têm fundamento científico. Minha irmã, por exemplo, amamentou os filhos até mais de um ano e tem o peito bem pequeno. Logo depois do primeiro ou segundo mês de vida dos meus sobrinhos, o peito dela já estava com o tamanho quase igual ao normal.

Procure observar porque você está se sentindo assim em relação ao seu peito. Por que você acha que sua produção “nunca foi boa”? Será que não tem alguém perto de você reforçando essa baixa auto-confiança? Posso te garantir que você tem o principal para amamentar: desejo de fazê-lo!! Mas é difícil mesmo quando não temos ajuda, autoconfiança e apoio das pessoas à nossa volta. A sociedade, infelizmente, ainda é muito pouco amiga da amamentação. Estamos aqui para isso: para te dar apoio e dizer que você pode contar com a nossa ajuda.

Não se cobre tanto, peça ajuda quando estiver muito cansada. Procure dormir junto com seu filhinho à tarde, por exemplo, beba muito líquido (qualquer tipo, de preferência, sem cafeína) e se alimente bem.

Em relação ao remédio Plasil: não costumamos interferir nas recomendações de pediatras, ok? Tenho amigas que já tomaram, mas ainda não sabemos bem as consequências disso a médio prazo. Você é a melhor pessoa para decidir. Use o seu bom senso, sua intuição. Tente conversar consigo mesma e tomar a decisão que achar melhor. É pena que você não mora no Rio — se não poderíamos nos encontrar pessoalmente e trocar mais idéias.

Qualquer dúvida escreva para a gente de novo.

Um grande abraço,

Karina
Amigas do Peito

About these ads

Tags:

Uma resposta to “Será que o medicamento Plasil pode prejudicar meu bebê?”

  1. adriana Says:

    Olá amigas do peito, eu estava com algumas dúvidas em relação à amamentação e consegui saná-las com as respostas de vocês para outras mamães. Posso concluir que amamentar realmente não é tão simples. O trabalho de vocês é maravilhoso e com certeza tem ajudado muitas mamâes. Parabéns . um grande abraço. Adriana

Os comentários estão desativados.


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: