Demos chupeta para nossa filha, que chora muito. E agora?

Minha filha, I., nasceu no dia 22 de setembro, e sempre tive o firme propósito de amamentá-la, muito antes de saber que estava grávida… Entrei em trabalho de parto no dia 22 pela manhã, e o parto normal não foi possível porque não havia dilatação. Mesmo com cesárea, o colostro estava lá, logo que ela nasceu. Ela foi amamentada desde as primeiras horas de vida, graças à Deus.

Agora, com quase um mês, estou tendo um pouco de dificuldade. Ela está mamando em maior quantidade (julgo isto pelo ganho de peso e quantidade de urina e fezes diárias, que aumentaram consideravelmente). Todavia, nem sempre mama e fica satisfeita. Muitas vezes dorme após ter mamado os dois seios, e quando tiro ela fica irritada. Se coloco no seio novamente dá apenas umas pequenas sugadas e dorme novamente. Comecei a ficar com os bicos doloridos, de tanto deixá-la junto ao peito durante a madrugada. Com muita relutância resolvemos oferecer a chupeta. Ela não gosta muito da chupeta (felizmente!) mas algumas vezes é o único jeito que encontramos de acalmá-la.

O que vocês sugerem que eu faça? Acho também que não é correto dar o seio por qualquer motivo de choro, mas estamos meio confusos com esta situação, meu marido, M. (que participa em tudo relacionado ao bebê), e eu.
Obrigada. L.

Caros L. e M.,
Bom que estão tão ligados ao bebê!
Esta coisa de paternidade e maternidade pode realmente ficar confusa. Em primeiro lugar, realmente não é a melhor opção dar chupeta, ainda mais se ela não gosta, mas… isto é o cala a boca que alguns pais precisam. Bebês choram de ansiedade também e quando não sabemos o que fazer para calar a boca, nossa ansiedade aumenta e fica um ciclo vicioso com mais choro, mais nervosismo e mais choro e… Bem, aí entra o pai. Colo e calma, voz grave sussurrando no ouvido ou cantando uma canção calminha e pronto. Muda a sintonia e a sinfonia. Vocês já experimentaram isto? Aqui em casa funcionou bem com quase todos os filhos (e são cinco) , apenas a segunda filha que tinha um probleminha não se acalmava com a sexy voz do pai nem com a voz do avô nem dos tios nem das tias , nem de ninguém. Ela era chorona mesmo… mas os outros quatro foram seduzidos pelas canções ao pé do ouvido (cá para nós as meninas mais ainda que o garoto). Que tal tentar?
Você pode aparecer para nos contar os resultados num de nossos grupos… Veja aqui na página os locais e horários das reuniões. Maria Lúcia
Amigas do Peito

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: